Mapa de Diretrizes Estratégicas para RH

Em dedicação ao Dia do Profissional de RH que se comemora hoje, dia 3 de junho, disponibilizou com muito carinho o modelo Canvas que criei, e que se encaixa perfeitamente bem aos grupos e projetos de RH, principalmente no atual cenário de fixação da atuação estratégica desses profissionais.

Usada para identificar os principais componentes envolvendo o planejamento e identificação de iniciativas de melhorias, ela tem excelente aplicação, inclusive no RH, tendo como foco o desenvolvimento do setor nas empresas. De fácil visualização e entendimento, pode ser utilizada por grupos de forma colaborativa, potencializando sessões de geração de ideias (brainstorm) e fixação de post its das ideias individuais e coletivas.

Inspirado na necessidade de ampliação da visão estratégica, inovamos com um modelo de 10 elementos fundamentais:

Justificativa: listar os motivos geradores para a construção e proposição das ações direcionadas ao projeto.

Requisitos/ premissas: envolvem os requisitos preliminares que deverão nortear a construção do projeto, tais como códigos, normas e princípios da área e organização.

Áreas/ pessoas envolvidas:  são todos aqueles que podem contribuir tanto com as atividades chave, contribuindo com a realização direta ou indireta das propostas de valor.

Resultados esperados: aspectos definidos em termos de entregas esperadas a partir da concretização do projeto e objetivo alcançado.

Pontos criticos: são todas as iniciativas, pontos e aspectos chave, sem as quais não seria possível atender as propostas de valor, construir os canais necessários e manter os relacionamentos.

Responsáveis: principais indivíduos envolvidos no projeto e que deverão “prestar contas” em etapas pontuais ou ao longo do projeto.

Indicadores: dados e sinalizadores identificados como orientadores da mensuração dos resultados do projeto, alinhados aos definidos estrategicamente pela organização.

Prazo: definição temporal das entregas e datas norteadoras das etapas do projeto.

Quanto: que indica  o custo recorrente de infraestrutura,  equipes envolvidas, e assim demais relevantes e impactantes na realização do projeto.

Como se preparar (Prática deliberada): estímulo para o desenvolvimento dos profissionais envolvidos no projeto, buscando o aprimoramento e o preparo para a condução adequada do projeto.

 

Adaptado do Business Model Canvas de Alexander Osterwalder

Clique aqui e faça o downloadCanvas_Virginia_Gherard

Comments (1)

RENATA KELLY SILVA
3 de junho de 2016 Reply

Cara Virgínia,
Trabalhamos há anos na Coca Cola e, desde então, tenho imensa admiração pelo seu trabalho! Você nasceu para trabalhar com as pessoas. Parabéns pelo Dia do Profissional de Recursos Humanos.
Renata

Leave a reply